sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Letras sem rima...


Tarde demais para ajustes de última hora.
A noite já segue mapeada pelas luzes e o silêncio embala algumas danças de lá.
Os anseios já não são as únicas atrações daqui, agora, noções controvertidas entram sem pedir licença.
Coloco a pressa para dormir e rasgo a noite distraindo a saudade.
Lá fora, a lua é cheia e não é difícil perceber que eu tento não deixar sombras no asfalto úmido.
Eu finjo ter calma nas curvas e distração nas retas, enquanto o orvalho cristaliza e avança sem ponderar. Tentando decifrar as normas, adormecendo os medos e calando um amor antigo.
Convencida pelo cheiro de poeira que encapa as lembranças, desperto algumas letras sem rimas que, perdidas, tentam remodelar alguns anseios e pilhar outros poemas, enquanto a imaginação decifra um novo enredo e projeta um drama solitário.



87 comentários:

  1. Que LIN-DO! Tempo que não passo aqui infelizmente... Perfeito.

    Gosto dessa dança das suas linhas, sempre um ritmo tão gostoso.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Eita desatino que não passa, não desaparece nem dispersa...
    Eita verso de amor que não rima nunca...
    Eita noite de lua perversa!

    Linda letras, grafite.

    ResponderExcluir
  3. Também digo : Que Lindooooo !!!!

    E te sigo , ... Rs

    BjO e obrigada pela visita , adorei !
    :)

    ResponderExcluir
  4. Lindo demais, mas triste também.
    Os sentimentos falam por si só.
    Beijos de linda noite e um bom final de semana.

    ResponderExcluir
  5. Um turbilhão de sentimentos.
    Sempre e sempre muito bom :)

    Beijo*

    ResponderExcluir
  6. Poxa, muito bom! Você usou as palavras e as metáforas lindamente!

    beijao, flor.

    ResponderExcluir
  7. A lua cheia não é uma boa companheira para os corações feridos... ela torna a saudade mais viva, mais intensa!

    Belo texto!

    Bjuh!

    ResponderExcluir
  8. Dizer o que diante das frases?....Elas já traduzem o que queria falar.

    ResponderExcluir
  9. Fico feliz por saber que gostaste.
    Também está muito bonito :)

    ResponderExcluir
  10. Muito obrigado, tb gostei, muito bem ;)

    ResponderExcluir
  11. Bela prosa!
    As palavras insinuam-se, fáceis, e ajustam-se no lugar certo em lampejos harmoniosos...

    Beijo :)

    ResponderExcluir
  12. Adorei Ana, cada vez escreves melhor :) Beijinho.

    ResponderExcluir
  13. Lindo Aninha!
    Álias já estou me tornando repetitiva aqui... é tudo lindo, e sempre lindo!
    Adoro o modo como escreve... descrevendo todos os detalhes das emoções vividas, e me fazendo vivenciá-las junto!

    Beijos no coração!

    ResponderExcluir
  14. Lindos versos que retratam um doce momento de introspecção!

    "Eu finjo ter calma nas curvas e distração nas retas, enquanto o orvalho cristaliza e avança sem ponderar".

    Em perfeita sintonia com a escolha da imagem.

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  15. Tão lindo Ana Carolina :D
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  16. Belissimas palavras que traduzem mesmo os sentimentos que afloram nas noites e madrugadas....beijos de bom final de semana pra ti querida.

    ResponderExcluir
  17. Oi....mais um grande texto....lindo!

    .......prejeta um drama solitário....


    tem um mimo pra vc no meu blog...passa lá pra pegar...ok?

    bjos com carinho!

    ResponderExcluir
  18. Olá Ana Carolina,

    Parabéns, gostei muito.

    Convido-te a que visites o meu Estados de Alma.

    Já te sigo desde Portugal.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  19. Adorei o post! Muy lindo, amei cada palavra.
    Ah retribuindo a visitinha tá? Seu blog é demais meeesmo.

    Bjokas;**

    ResponderExcluir
  20. "...adormecendo os medos e calando um amor antigo." Lindooo! Adorei flor, beijos :*

    ResponderExcluir
  21. querida amiga, eu adoro aqui obrigada pelo carinho...
    mais um lindo e exelente texto falando de sentimentos.
    Bom fim de semana amiga.

    bjos.

    ResponderExcluir
  22. A imaginação pode ser uma ótima saída. Adorei teu blog, beijos...

    ResponderExcluir
  23. Olá Ana, muito lindo este teu texto,traduz na perfeição os sentimentos que nos assaltam o pensamento e nos preenchem as noites sem dormir!

    Tem um lindo fim de semana.
    Bjs

    Sãozita

    ResponderExcluir
  24. Oi Carol,

    Vim conhecer seu blog.
    Adorei sua visita e q legal q curtiu meu espaço tb. Visto pelo q desfia aqui, é um prazer te-la me acompanhando.
    Vai sempre tomar um café comigo, deixar suas impressões e trocar comigo.

    Um beijo

    ResponderExcluir
  25. "Tentando decifrar as normas, adormecendo os medos e calando um amor antigo."
    Nossa, muito lindo! *-*

    ResponderExcluir
  26. e assim se segue o surpreendente roteiro da vida.
    e você segue escrevendo de maneira linda.

    beijos, flor.

    ResponderExcluir
  27. Perfeito como vc descreve a vida e tudo!
    Gosto da dança dessas letras!

    Parabens por mais um belo texto!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  28. Oi Ana! texto simplesmente lindo!
    Parece que a Lua Cheia está inspirando muito aqueles q gostam de respirar através das palavras:
    http://petalasdaurora.blogspot.com/2010/08/meia-luz.html

    bjozz

    Fer

    ResponderExcluir
  29. Awn, mais uma vez escrevendo lindamente seus textos, que dá uma vontade mednha de ficar lendo.

    Adorei, como sempre.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  30. Olá Ana Carolina (Grafite),
    Belo texto este! Parabéns! Obrigado por seguir meu Blog e desculpa qualquer "excesso"..rs..
    Tenha um ótimo Domingo... Abração!
    Flávio Nunes.

    ResponderExcluir
  31. Já disse antes: vc escreve uma delicadeza incrível!

    Obrigada pela visita, linda. Aquela música do Tom Jobim (e qual não?) é de arrepiar mesmo! Adoro, rs. :)

    ResponderExcluir
  32. Gostei do texto sem rodeios e sem digressões. Poesia pura! Parabéns.

    ResponderExcluir
  33. Tbm ando fingindo ter muita calma!
    Sempre lindo!

    ;*

    ResponderExcluir
  34. Letras sem rimas, mas repletas de poesia.

    Cada palavra aqui escrita tem um sentido especial e saiu da sua parte mais profunda, da sua alma. Foi essa a impressão que tive ao ler a sua prosa poética.

    Lindo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  35. E sempre é solitário... eternamente

    bjos menina
    Sua escrita é incrivel!

    ResponderExcluir
  36. Beijo carinhoso de bom domingo e uma linda semana pra ti querida.

    ResponderExcluir
  37. tempo que pára... historias que nasceram sem fins.... amores antigos...melancolia... LINDO... LINDO LINDO ... Parabens grafite!! bjus...

    ResponderExcluir
  38. Brigada por me seguir...o seu blog é lindo,e eu ja estou te seguindo também.Bjus

    ResponderExcluir
  39. "Coloco a pressa para dormir e rasgo a noite distraindo a saudade."
    e a imagem teima em arder dentro de mim... mais que letras sem rima, ofereces-nos traços e contornos a carvão que habitam sob a pele.
    um beijo!

    ResponderExcluir
  40. Ana, muito bom te ler,
    nestas letras prontas, que
    exalam de você.
    Contracena com teus ímpetos,
    que bela dupla e deixa o texto
    acontecer...

    Adorei!

    Linda semana pra ti

    Bjs

    Livinha

    ResponderExcluir
  41. simplesmentee...

    lindoo!

    seguindo akie ^^

    ResponderExcluir
  42. Tens sensibilidade nas palavras, o texto ficou lindo.
    As lembranças boas produzem belos poemas, e para isto não é preciso de rima.

    ResponderExcluir
  43. Lindo texto. O bom mesmo é quando esse drama solitário encontra um par...

    Bjs =)

    ResponderExcluir
  44. lindo texto.(como sempre)
    gosto de ti.
    Maurizio

    ResponderExcluir
  45. Muito sentimento estampo em forma de letras.

    BeijooO*

    ResponderExcluir
  46. rasgo a noite distraindo a saudade...
    lindo!

    ps. saudade de suas visitinhas...

    beijo!

    ResponderExcluir
  47. obrigado pela visita e pelo comentario.

    belo texto.

    abraços carinhosos do lelis

    P.S.: me passe seu contato, é sempre bom trocar figurinhas com grades escritores como vc.

    abraços

    ResponderExcluir
  48. Liindoo como sempree, amei, amo e amarei pra sempre isso aqui *-*'

    ResponderExcluir
  49. Porque esses dramas solitários sempre teimam em ser a noite hein? rs

    Adoro seus textos!

    beijosss

    ResponderExcluir
  50. Oi...passando pra avisar que tem outro selinho novo pra vc no meu blog...

    bjos!

    Zil

    ResponderExcluir
  51. Queridos seguidores, peço desculpa pela minha ausência tanto no meu, como nos vossos mágicos blogs, mas com as férias e tudo mais tenho andado fora de casa, por isso não tenho tido muito tempo. Vou tentar actualizar o meu blog. E obrigada por me seguirem :)
    Beijinhos*


    Este post está LINDO *.*

    ResponderExcluir
  52. É de um sentir extremo tudo aqui, as lembranças também nos servem de acalanto pra refrescar a memória do que um dia foi bom!

    Beijos e obrigada pela visita!

    ResponderExcluir
  53. Muito sentimento contido nos teus textos...
    Bom, muito bom.

    ResponderExcluir
  54. http://garotaenunvens.blogspot.com/

    visita la :*

    ResponderExcluir
  55. Em cada linha um suspiro!

    lindo demais!

    beijo enorme :*

    ResponderExcluir
  56. São tão suaves os teus textos que me deixam mais leve. beijos

    ResponderExcluir
  57. maravilhoso! adoro seus textos.

    beijos

    ResponderExcluir
  58. ...traigo
    sangre
    de
    la
    tarde
    herida
    en
    la
    mano
    y
    una
    vela
    de
    mi
    corazón
    para
    invitarte
    y
    darte
    este
    alma
    que
    viene
    para
    compartir
    contigo
    tu
    bello
    blog
    con
    un
    ramillete
    de
    oro
    y
    claveles
    dentro...


    desde mis
    HORAS ROTAS
    Y AULA DE PAZ


    TE SIGO TU BLOG




    CON saludos de la luna al
    reflejarse en el mar de la
    poesía...


    AFECTUOSAMENTE
    ANA CAROLINA

    ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE CACHORRO, FANTASMA DE LA OPERA, BLADE RUUNER Y CHOCOLATE.

    José
    Ramón...

    ResponderExcluir
  59. AMEI, seu blog, muito lindo, estou seguindo me segue também.
    http://mirianbrandaoaoavesso.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  60. Também compartilho desses dramas...
    beijos

    ResponderExcluir
  61. Olá,

    passo para dizer-te que não saberia viver sem os meus amigos.
    Para ti, que fazes parte deles, vai o meu carinho e o meu agradecimento em forma de palavras escritas no meu blog. A acompanhá-las há um presente feito especialmente para ti...
    Visita o meu Estados de Alma e verás...

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  62. Imaginação, o mais doce e mais perigoso dos aliados, pois viver é difícil.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  63. Uau! Escreves muito bem! Lindo post!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  64. mais parece que vc ta na solidão mais não ta tão horrivel assim. parece que vc anda se adaptando a ela? ou entendi errado !
    nada disso hein, ela não pode ser a melhor amiga de ninguém ~
    bjs

    ResponderExcluir
  65. adorei o uso das palavras, lindo texto.

    ResponderExcluir
  66. Lindo. Lembranças são coisas complicadas mesmo. :*

    ResponderExcluir
  67. Que blog gostoso de ler!
    Enquanto você vai grafitando a vida eu vou vendo em forma de desenho.
    Um grande abraço.
    Sidney
    (papodedesenhista.blogspot.com)

    ResponderExcluir
  68. Obrigado por tuas visitas e um excelente
    feriado, rita loira.
    Beijos

    ResponderExcluir
  69. lindo, flor....
    simplesmente, lindo...
    bjok

    ResponderExcluir
  70. Saudadeeeeeeeeeeeeeee daqui, desses escritos tão lindossssssss!

    Beijo Aninha!!!

    ResponderExcluir
  71. Muito lindo...que maravilha!!!
    Seu blog está lindo demais!!!
    Já estou te seguindo!!!
    Tenha um ótimo fim de semana!!!
    Beijão Ana Carolina

    ResponderExcluir
  72. Nossa!!! eu texto é muito bem escrito.
    Seu blog é muito lindo!
    Parabéns.. estou te seguindo
    beijos

    ResponderExcluir